Notice: Undefined variable: menu in /home/realdeod/public_html/app/views/partials/google728x90.php on line 1

Notice: Undefined variable: menu in /home/realdeod/public_html/app/views/partials/google728x90.php on line 1
Prefeitura marechal
busque por título

Saúde e Comportamento com Diego Vieira

08/07/2022 às 10:42

EXAGERO NA AUTOESTIMA É SINAL DE TRANSTORNO MENTAL

 
Quando falamos em autoestima, nos referimos a um padrão comportamental de autopercepção das potencialidades que se tem e por consequencia uma melhor avaliação das mesmas. Ou seja, nada mais é do que uma avaliação que fazemos de nós mesmos baseada nas relações sociais que estabelecemos. Mas, como tudo em excesso traz prejuízo, autoestima a nível extremo também pode sinalizar quadro patológico instalado.

Estou falando nada mais, nada menos que os transtornos de humor. Classificados e catalogados na Classificação Internacional de Doenças - CID em sua 11º edição. São chamados de bipolar e outras transtornos relacionados, divididos em 1 e 2.

“O transtorno bipolar do tipo I é um transtorno de humor episódico definido pela ocorrência de um ou mais episódios maníacos ou mistos. Um episódio maníaco é um estado de humor extremo que dura pelo menos uma semana, a menos que encurtado por uma intervenção de tratamento caracterizada por euforia, irritabilidade ou expansividade, e pelo aumento da atividade ou uma experiência subjetiva de aumento de energia, acompanhada por outros sintomas característicos, tais como fala, fuga de idéias, aumento da autoestima ou grandiosidade, diminuição da necessidade de sono, distração, comportamento impulsivo ou imprudente e rápidas mudanças entre os diferentes estados de humor (isto é, instabilidade do humor). Um episódio misto é caracterizado por uma mistura ou alternância muito rápida entre sintomas maníacos e depressivos proeminentes na maioria dos dias durante um período de pelo menos 2 semanas.”

“O transtorno bipolar do tipo II é um transtorno de humor episódico definido pela ocorrência de um ou mais episódios de hipomania e pelo menos um episódio depressivo. Um episódio de hipomania é um estado de humor persistente caracterizado por euforia, irritabilidade ou expansividade e ativação psicomotora excessiva ou aumento de energia, acompanhado por outros sintomas característicos como grandiosidade, diminuição da necessidade de sono, pressão da fala, fuga de ideias, distração e impulsividade. ou comportamento imprudente com duração de pelo menos vários dias.

Os sintomas representam uma mudança em relação ao comportamento típico do indivíduo e não são graves o suficiente para causar prejuízo acentuado no funcionamento. Um episódio depressivo é caracterizado por um período de humor depressivo quase diário ou interesse diminuído em atividades que duram pelo menos 2 semanas acompanhadas por outros sintomas, como alterações no apetite ou sono, agitação ou retardo psicomotor, fadiga, sentimentos de culpa inútil ou excessiva ou inadequada. , sentimentos ou falta de esperança, dificuldade de concentração e suicidalidade. Não há história de episódios maníacos ou mistos.”

Portanto, percebendo um estado de humor exagerado em seu amigo, associado a tempos em que ele experiencia o contrário desses sentimentos, ele pode sofrer de um quadro clínico muito comum e não tão conhecido pelas pessoas. O tratamento se faz mediante acompanhamento psiquiátrico e psicológico. Um não sobressai ao outro, eles se complementam para a efetividade do tratamento.

Dúvidas? Fale comigo.

whatsapp 82 999449214
Diego Marcos Vieira da Silva - CRP 15/4764
Psicólogo clínico comportamental
 

Deixe seu comentário

0 comentários