Prefeitura marechal
busque por título

Brasil/Mundo

Uol

11/07/2019 às 09:43

Banda iraniana é condenada a 14 anos de prisão e 74 chibatadas por tocar metal

 

(Créditos de imagem: Divulgação )

Os integrantes da banda iraniana de heavy metal Confess foram condenados pelo Tribunal Revolucionário de Teerã a 14 anos de prisão e 74 chibatadas pelo crime de tocar metal, que é proibido no Irã. A informação foi publicada pelo site The Wrap.

Nikan, "Siyanor" Khosravi e Arash "Chemical" Ilkhani foram presos pelo Exército dos Guardiões da Revolução Islâmica em 2015 acusados de blasfêmia ao expressarem sentimentos antirreligiosos e contra o regime em suas músicas. Os dois, no entanto, fugiram do país e conseguiram asilo na Noruega.

Em entrevista à mídia estrangeira, Khosravi disse que eles escaparam da pena de morte por causa de uma brecha na lei iraniana que diz: "se você insultar o Profeta, você será executado, porque ele está morto e ele não pode se defender. Mas se você blasfemar contra Deus e questionar sua existência, ele pode perdoá-lo. Foi por isso que não fomos executados ", disse Khosravi.

Na Noruega, a banda continua a produzir música e recentemente lançou "Evin", em homenagem à temida prisão onde eles ficaram detidos no Irã. A faixa está em seu novo álbum Revenge at All Cost, escrita entre 2016 e 2017, enquanto eles estavam presos. 

Deixe seu comentário

0 comentários