Prefeitura marechal
busque por título

Esportes

Claudia Galvão/Al24hs

08/04/2018 às 18:49

Após dez anos, CSA conquista Alagoano 2018 diante do maior rival

 

(Créditos de imagem: Ascom CSA)

Depois de uma semana de muita ‘zoação’ após a derrota por 1 x 0 no último domingo (1º), o CSA mostrou que estava bem vivo na competição e conquistou o Campeonato Alagoano 2018 diante do seu maior adversário, o CRB. O Galo da Praia se mostrou apático em campo e pouco fez para assegurar o tetracampeonato. O Clássico das Multidões terminou 2 x 0 para o time do Mutange.

Nem mesmo a inferioridade numérica da sua torcida, devido ao mando de campo regatiano, impediu CSA de se mostrar mais determinado em todo o jogo e assegurar o placar que lhe garantiu o título ainda no primeiro tempo. Os gols azulinos foram assinalados por Didira, aos 19min, e Daniel Costa, aos 44min.

O CSA iniciou o jogo apostando na velocidade e se aproveitando da lentidão do CRB, sobretudo na região central do campo. Mesmo com os dois times se aventurando no ataque, foi o CSA que mostrou mais organização e chegou ao gol após lançamento de Echeverría em velocidade, que chutou rasteiro e após rebote de João Carlos, Didira jogou no fundo das redes.

O segundo gol saiu após falha de marcação do CRB, já aos 44min. Rafinha cobrou lateral do lado esquerdo, a bola sobrou para a Daniel Costa, que chutou forte e rasteiro para o gol alvirrubro. O segundo gol parece ter ‘acordado’ o CRB, mas já não havia tempo para muita coisa.

Na etapa complementar da partida e impulsionado pela sua torcida, o CRB voltou pressionando e aos 5min teve uma boa oportunidade com Neto Baiano, que foi cortado por Xandão. Aos 8min, Neto voltou a ter chance após cruzamento de Ratinho. O Galo da Praia ainda viria a acertar uma bola na trave aos 14min e teve oura oportunidade com Feijão, mas sem concretizar seu objetivo.

E a merecida festa azulina teve início aos 50min, após a expulsão de Daniel Costa por reter a bola, e deve se prolongar pela madrugada. Depois de conquistar o título da Série C do Brasileiro, o CSA saiu da fila e conquista o título do Alagoano. Antes mesmo do encerramento do jogo, parte da torcida regatiana começou a deixar o estado. A nota triste foi um princípio de tumulto entre os jogadores dos dois. Após provocação de um atleta azulino, os jogadores do CRB partiram para a briga. Resta saber como o árbitro Wilton Pereira Sampaio irá registrar na súmula. 

Deixe seu comentário

0 comentários