Prefeitura marechal
busque por título

Esportes

Globo Esporte

31/08/2019 às 11:36

F1: Vettel lidera primeiro treino na Bélgica, e Hamilton tem problema

Ferrari confirma favoritismo na veloz pista de Spa-Francorchamps, e Charles Leclerc completa dobradinha; pentacampeão fica apenas em sexto

 

(Créditos de imagem: GETTY IMAGES)

A espera dos fãs finalmente acabou, e os carros da Fórmula 1 voltaram à pista nesta sexta-feira para o primeiro treino livre para o GP da Bélgica. Em Spa-Francorchamps, uma pista das mais velozes do calendário, a Ferrari confirmou o favoritismo e fez dobradinha, com Sebastian Vettel à frente de Charles Leclerc.

O alemão, que completa neste fim de semana um ano sem vencer uma corrida sequer, ficou 0s214 à frente do companheiro de equipe e teve quase um segundo de vantagem sobre o terceiro colocado Max Verstappen. Novo companheiro do holandês na equipe RBR, Alexander Albon ficou apenas 0s077 atrás, em quarto lugar.

A Mercedes teve um desempenho discreto, com Valtteri Bottas, de contrato renovado até o fim de 2020, em quinto lugar, e Lewis Hamilton, que teve problemas no acelerador, em sexto. Completaram os dez primeiros, do sétimo ao décimo lugares, Lance Stroll (Racing Point), Daniel Ricciardo (Renault), Sergio Pérez (Racing Point) e Carlos Sainz (McLaren).

O segundo treino livre será disputado às 10h (de Brasília), com transmissão ao vivo do SporTV2. A narração será de Daniel Pereira e os comentários, de Max Wilson. O GloboEsporte.com acompanha a sessão em tempo real.

Não foi culpa dele!


Lance Stroll causou um safety car virtual! Mas dessa vez não foi por uma escapada de pista ou acidente, mas porque a carenagem que cobre o motor se soltou do lado direito. Pedaços ficaram espalhados pela pista, mas rapidamente os comissários limparam o asfalto.

Poucos incidentes

Não foi um treino com muitas escapadas. Coincidentemente as únicas duas rodadas aconteceram no gancho de La Source no fim da reta dos boxes, com Robert Kubica e Daniil Kvyat virando ao contrário mas voltando à pista.

Problemas para Hamilton

Lewis Hamilton teve um primeiro treino para esquecer. Logo na sua volta de instalação, o pedal de acelerador deu problemas, e o inglês voltou para os boxes. Depois de perder muito tempo, o líder do campeonato voltou para a pista, mas voltou a recolher o carro, sem nenhum tempo marcado.

Só na meia hora final de treino, o pentacampeão mundial marcou seus primeiros tempos, mas ficou bem atrás da Ferrari, a 1s399 da melhor marca de Vettel.

Raikkonen na pista


Apesar de o sueco Marcus Ericsson estar de sobreaviso, Kimi Raikkonen participou normalmente do primeiro treino livre. Com distensão na panturrilha esquerda, o Homem de Gelo ficou na 13ª colocação, duas posições à frente do companheiro Antonio Giovinazzi.

Gasly lá atrás...

Rebaixado para a STR, Pierre Gasly usou o treino para se acostumar ao carro e andou sempre atrás do novo companheiro Daniil Kvyat. No fim, acabou apenas em 18º lugar, a 0s332 do russo.



RBR no começo, Ferrari no fim

A RBR foi quem dominou a primeira parte do treino, com Max Verstappen fazendo os melhores tempos e o estreante Alexander Albon chegando a ficar em segundo lugar, apenas 0s2 atrás do companheiro.

Faltando meia hora para o fim do treino, Vettel e Leclerc assumiram os primeiros lugares com quase um segundo de vantagem sobre os pilotos da RBR, mostrando que a equipe italiana está firme na briga pela - finalmente - primeira vitória em 2019. 

Deixe seu comentário

0 comentários