Prefeitura marechal
busque por título

Polícia

Al24hs

15/03/2019 às 07:43

Jovem é presa acusada de assassinar namorado envenenado

 

(Créditos de imagem: Reprodução)

Após quase quatro meses da morte de Rafael José Calheiros dos Santos, vítima de envenenamento, a namorada do rapaz, Estefane Rayane dos Santos, apontada como autora do crime, foi presa pela Polícia Civil, no fim da manhã desta quinta-feira, 14.

Segundo informações do delegado Ronilson Medeiros, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a acusada nutria um sentimento de posse pela vítima e não aceitava a ideia de um possível fim de relacionamento.

“Ela dizia que se ele terminasse o namoro, ela não saberia o que fazer. Era um sentimento de posse. Dias antes do caso, Rafael recebeu mensagens no celular informando que Estefane o atraia e a pessoa teria provas. Na terça-feira, antes do crime, eles conversaram e ela tentou danificar o celular dele, mas não conseguiu e ele continuou recebendo mensagens. Nós também tivemos acesso às mensagens. Na quarta-feira, ela ficou sozinha na casa do namorado e na quinta-feira, dia em que Rafael fez a bebida, ela não apareceu na residência. O que causou estranheza é o fato de Estefane, que dizia gostar de Rafael, não aparecer em momento nenhum no hospital para visitá-lo”, informou o delegado.

Medeiros explicou que estava esperando o resultado dos exames periciais realizados pela Perícia Oficial de Alagoas para concluir o inquérito. Após os laudos, que apontavam presença de substância tóxica tanto no achocolatado quanto na coqueteleira, usada para fazer a bebida, a PC seguiu com as investigações até entender que Estefane Rayane era autora do crime.

A Polícia Civil remeteu o inquérito à Justiça em janeiro, mas o mandado de prisão preventiva só foi expedido pela 5ª Vara Criminal nesta quinta-feira, 14. Os policiais da DHPP conseguiram prender a acusada nesta manhã, na casa da irmã de Estefane, em Rio Largo. 

Deixe seu comentário

0 comentários