Prefeitura marechal
busque por título

Polícia

Filipe Lima/al24hs

11/06/2018 às 16:34

Reeducando é encontrado morto em suposto caso de envenenamento no Sistema Prisional

 

(Créditos de imagem: Ascom Sindapen/AL)

Um reeducando foi encontrado morto após ser vítima de envenenamento durante a madrugada desta segunda-feira (11), no presídio Cyridião Durval. A vítima foi identificada apenas como Luan Isaías Florentino dos Santos, de 20 anos.

De acordo com a assessoria de comunicação do Sindicato dos Agentes Penitenciários de Alagoas (Sindapen/AL), a vítima foi envenenada através de um composto feito a base de água e cocaína. Luan sofreu uma overdose.

Até o momento não se sabe que Luan Isaías tirou a própria vida ou se foi vítima de homicídio. Ele estava preso por roubo.

A causa da morte só será confirmada após a entrega do laudo do Instituto de Medicina Legal.

Tentativa de fuga

A assessoria do Sindapen/AL informou ainda que dois detentos do Presídio Cyridião Durval tentaram fugir do local nesta madrugada. Os reeducandos foram identificados como Ewerton Henrique Alves da Silva e Erivan Pereira dos Santos.

Os suspeitos quebraram a parede do anexo B do G3 do presídio e tentaram fugir, porém, foram impedidos e capturados.

Nota Seris

A Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) informa que na noite de domingo (10), o reeducando Luan Isaías Florentino da Silva, de 20 anos, foi encontrado em óbito no Presídio Cyridião Durval e Silva, Módulo 3, no Complexo Prisional.

Logo após perceber a movimentação no Módulo 3, os agentes penitenciários acionaram imediatamente a equipe médica da unidade prisional. Os profissionais prestaram o atendimento inicial, mas não conseguiram evitar o óbito do interno.

O local foi isolado e as equipes do Instituto de Criminalística (IC) e do Instituto Médico Legal (IML) fizeram os procedimentos necessários. Os outros onze custodiados que dividiam a cela com Luan da Silva foram encaminhados para Delegacia e prestaram os devidos esclarecimentos.

Internamente foi aberta uma sindicância para averiguar todas as circunstâncias e elementos do ocorrido.

A chefia da unidade aguarda o laudo conclusivo do IML para saber as causas do óbito. Autoridades do Poder Judiciário foram comunicadas sobre o fato.

A Secretaria da Ressocialização está adotando todas as providências no sentido de garantir assistência aos familiares de Isaías Florentino.
 

Galeria de fotos

Deixe seu comentário

0 comentários