Prefeitura marechal
busque por título

Saúde

Ascom

10/09/2019 às 09:59

Pular café da manhã pode engordar, diz estudo

 

(Créditos de imagem: Pixabay)

O café da manhã é popularmente - e cientificamente - considerado a refeição mais importante do dia, e sentar à mesa para desfrutar do desjejum pode ser um aliado para quem quer emagrecer.

De acordo com estudo realizado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) em parceria com pesquisadores europeus, o hábito de pular a primeira refeição do dia traz
riscos para engordar e está associado à obesidade entre os adolescentes.

É comum entre os jovens não fazer a primeira refeição do dia. Pensando nisso, a equipe de pesquisadores decidiu analisar o impacto do café da manhã nos índices de obesidade entre os jovens.

O resultado da pesquisa foi divulgado recentemente no periódico americano Scientific Reports, e revelou que esse fator foi consideravelmente maior para o aumento de peso do que o tempo de tela e a falta da prática de exercícios físicos.

A equipe fez um levantamento com jovens do sexo masculino e feminino entre 12 e 18 anos, visando identificar a relação entre não tomar o café da manhã e aumento no Índice de Massa
Corporal (IMC), na circunferência da cintura e na razão cintura/altura.

Os pesquisadores entrevistaram 3.528 jovens europeus e 991 brasileiros que relataram seus hábitos cotidianos. Foram coletados ainda dados como as medidas de peso dos participantes e o tempo de sono.

De acordo com uma das autoras do estudo, a epidemiologista Elsie Forkert, mesmo dormindo bem, quando o adolescente não faz essa refeição, aumenta o peso e a circunferência da cintura. "O comportamento de ‘pular’ o café da manhã se associou a um aumento nesses marcadores (de obesidade) muito expressivamente”, disse em entrevista.

Estima-se que 20% dos adolescentes não façam o desjejum. Dentre esses, a maioria é do sexo feminino. Os dados mostraram que 44,5% das europeias e 37,8% das brasileiras adota esse comportamento. Já entre meninos, o percentual é menor - 35,9% e 34,6%, respectivamente.

A importância do desjejum

O hábito de pular o café da manhã é prejudicial para o organismo, porque após longas horas de sono e jejum, o corpo precisa se reabastecer. “Não entrando alimento, o organismo libera hormônios contra reguladores. Ele entende que a reserva está pequena e segura um pouco mais”, diz Elsie.

Além disso, é comum que, ao sentir fome e estando fora de casa, os adolescentes façam a escolha por alimentos processados, de baixo valor nutricional e mais calóricos, o que aumenta a
gordura corporal e causa prejuízos ao corpo em longo prazo.

Uma alternativa para os pais ajudarem a mudança de hábito é contar com a praticidade para incentivá-los a fazer a refeição. Máquinas como as sanduicheiras, de café expresso, chaleira elétrica, espremedor de laranja, por exemplo, podem ajudar a preparar lanches de forma rápida e mais saudáveis do que a que os filhos comeriam na rua.
 

Deixe seu comentário

0 comentários