Candidato Digital
busque por título

Mural de recados

  • Enviado em 14/06/2018 às 08:49

    De: MARIA ROSEANE | Para: VEREADORES DE MARECHAL DEODORO

    Atenção vereadores de Marechal Deodoro só lembrando que os precatórios do FUNDEF (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e Valorização do Magistério) é referente ao período em que os professores trabalharam entre os anos de 1998 e 2006, esses profissionais da educação foram os que tiveram perdas salarial. Portanto esses funcionários são os que têm verdadeiramente direito, seja ele professor ativo,aposentados ou herdeiros legais de falecidos. A partir de dezembro de 2007 até os dias atuais passamos a receber pelo FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação). Portanto não será justo que seja RATEADO para quem NÂO trabalhou no período de 1998 a 2006. Foi a partir de 2007 que os professores começaram a receber correto o repasse do FUNDEB. REELEMBRANDO que o período é de 1998 a 2006. O pagamento é proporcional ao tempo que trabalhou neste período, assim como também a carga horária.

  • Enviado em 13/06/2018 às 12:10

    De: Observador do BAIRRO DA POEIRA, | Para: Deodorenses

    Infelizmente, o que se vê na cidade de Marechal Deodoro, como na maioria das cidades Brasil afora, são interesses pessoais acima dos interesses da coletividade, educação e saúde, naquela cidade estão no volume morto, com referência à educação, nos concursos públicos, os melhores empregos são ocupados por pessoas de outras regiões do país, ou são loteados, no caso de cargos de natureza política, para pagar o investimento que os "patrocinadores" fizeram àquele que foi eleito. Enquanto o povo não tiver consciência do seu poder e se deixar ser entorpecidos com pão e circo e arraiás da capitá, vão continuar na merda e não vai adiantar reclamar depois. Só os bajuladores de ocasião se dão bem, pois ficam pulando de galho em galho, para aproveitar as oportunidades, iguais a urubus, que os donos do poder lhes dão enquanto estiverem servindo ao seu próposito. Por que será que só nestes períodos, os gestores "apadrinhados por aqueles que estão concorrendo a cargos políticos" ficam tão solícitos ? Depois das eleições vocês vão ver, mesmo assim, não vão aprender. As promessas mirabolantes irão desaparecer, e o que iria se resolver nunca será resolvido. P.s. Com relação aos imóveis da massagueira, as pessoas não podem se acomodar, vocês viram o que aconteceu com as barracas do francês. Promessas e promessas e viram no que deu. É bom colocarem as barbas de molho. Marechal Deodoro, com alguns de seus vereadores, que não sabem nem se expressar, vai ter que futuro?

  • Enviado em 11/06/2018 às 15:50

    De: Robson | Para: Prefeitura (iluminação pública)

    As ruas de acesso à praia (francês) vindo da barra, estão totalmente sem iluminação, principalmente a Rua Caramujo, além da falta de calçamento que com certeza só aumenta a dificuldade pros nossos visitantes acessarem a mais bela praia do Brasil.

  • Enviado em 08/06/2018 às 23:32

    De: sergio | Para: Prefeitura

    Queremos atençao aqui no lot veleiro do frances oushe...

  • Enviado em 08/06/2018 às 21:55

    De: CIDADÃO DEODODRENSE | Para: SOCIEDADE

    O Município como um dos atores do ESTADO, só chega aos munícipes com ITPU, TAXA DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA, TAXA SANITÁRIA E DEMAIS “MEIOS LEGAIS” de taxar os contribuintes, agora chegam com a Secretaria de Patrimônio da União (SPU) para nos impor mais um tributo a licença ambiental, aos ribeirinhos da laguna manguaba, em especial aos massagueirenses, ameaçando, viu o que aconteceu no Francês? Pelo que nos tão cobrando, vale mais apenas deixar o imóvel sem adequação aos leis vigentes e punidoras do que pagar 20, 30 40 ou 50 mil reais para adequações ambientais e municipais. Vereadores nem aparecem, representam só seus próprios interesses, agora se a sociedade precisar da saúde, vejam postos sem medicamentos e maus administrados, UPA sem médicos, entregue as traças, educação da pior qualidade, se já estava horrível, ficou um horror. Segurança, a bandidagem vem das escolas com o trafego de drogas e crimes até as vizinhas das famílias, sem falar dos atores públicos, a PF esteve ontem na casa do ex-prefeito, social, quando dão migalhas para quem precisa sempre precisar, não geram desenvolvimento, empregos ou dignidades aos munícipes, vejam o IDH municipal. As eleições estão ai em OUTUBRO, fora aos que sempre estiveram no poder e nada fizeram e nem farão, apenas se acham patrões ao invés de servidores do povo. Sem falar que a única justiça que opera com 100% de perfeição é a eleitoral, será? Tanto que nem na América do Norte nem na Europa não querem urnas eletrônicas, bem, mesmo que o FACE E WHAT ZAP já foram raqueadas e as urnas eletrônicas brasileira nunca.