busque por título

Emprego

Radio Agencia Nacional

04/02/2024 às 16:36

CNU: concurso oferece 692 vagas para quem não tem ensino superior

Série sobre o "Enem dos concursos" detalha 8º bloco temático 

(Créditos de imagem: Reprodução)

As pessoas que não concluíram o ensino superior também terão a oportunidade de ingressar no serviço público federal pelo Concurso Nacional Unificado, que está com inscrições abertas até sexta-feira, dia 9 de fevereiro. O oitavo e último bloco temático do chamado Enem dos Concursos traz 692 vagas de nível médio, distribuídas por três órgãos.

A Funai (Fundação Nacional dos Povos Indígenas) oferece 152 postos para técnico em indigenismo, que exige apenas a conclusão do ensino médio. O trabalho inclui planejamento, organização, execução, avaliação e apoio técnico e administrativo para as atividades do órgão. O salário inicial é de R$ 6.987, e as vagas são para trabalhar em cidades da Amazônia Legal e do Mato Grosso do Sul. Lembrando que 30% das vagas da Funai são reservadas para indígenas.

No IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) são 300 vagas para ensino médio em todas as regiões do país. O cargo de técnico em informações geográficas e estatísticas tem remuneração de R$ 3.741. As funções são de suporte e apoio técnico especializado às atividades de ensino, pesquisa, produção, análise e disseminação de dados e informações levantados pelo órgão.

Já no Ministério da Agricultura e Pecuária, as oportunidades são para formação de ensino técnico e exigem registro no respectivo conselho de classe, com salário inicial de R$ 7.436.

Quem fez algum curso técnico agrícola pode concorrer a 100 vagas para o cargo de agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal, e outras 100 para agente de atividades agropecuárias.

O Ministério também abriu 40 vagas para técnico de laboratório, que pede curso técnico em biotecnologia, análise clínicas, metrologia, química, agroindústria, alimentos, farmácia, viticultura e enologia.

A função dos três cargos é de natureza especializada, atuando na prevenção, controle e erradicação de doenças animais e pragas vegetais de interesse econômico e de saúde pública, da sanidade, conformidade e segurança dos produtos de origem animal e vegetal.

A taxa de inscrição custa R$ 60 para os cargos de nível médio. Para fazer a inscrição, é preciso ter uma conta gov.br, que pode ser feita pelo aplicativo ou pelo site. As provas do Concurso Nacional Unificado serão aplicadas no dia 5 de maio, em 220 cidades de todo o país.

Todas as informações podem ser conferidas no portal gov.br/concursonacional. No próximo episódio, vamos falar do trabalho nos cargos abertos a pessoas de formação em qualquer curso superior. 

Deixe seu comentário

0 comentários